eloa_goncalves__MG_8866-Bearbeitet.jpg

BIOGRAFIA

Natural de Matão - São Paulo. Pianista, compositora e educadora, Eloá Gonçalves é mestre em Jazz Piano pela Universität für Musik und darstellende Kunst Graz (KUG), Áustria, sob orientação do pianista alemão Olaf Polziehn (tendo concluído o curso com menção de outstanding performance). É também bacharel e mestre em Música Popular pela UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas). Sua discografia atual (dentre projetos como bandleader ou colaborações com outros artistas) inclui 15 álbuns e 4 DVDs. 

 

Recentemente, lançou seu primeiro álbum liderando seu trio (Eloá Gonçalves Trio) pela gravadora austríaca Alessa Records.

O álbum tem sido mencionado pela crítica especializada em revistas renomadas como Downbeat (Estados Unidos), Kulturní Magazín (República Tcheca), Jazz’Halo (Bélgica) e Concerto (Áustria). 

 

Como instrumentista, já se apresentou e/ou gravou com nomes tanto da música instrumental quanto da música pop como: Sandy, Claudio Nucci, Zalon Thompson (Inglaterra), Vinicius Dorin, Nailor Azevedo “Proveta”, Ivan Vilela, Daniel Barry (EUA), Marcelo Martins, Marco Lobo, Joe Fiedler (USA), Luis Bonilla (USA), Sigi Feigl (Áustria), Vine St. Horns - Brad Cole & KUG Jazz Orchestra (USA/Áustria), Kaya Meller Quartet (Polônia), Iñaki Askunze (Espanha), Jaka Arh Triptych (Eslovênia), Experience of the North (Dinamarca/Áustria), Cristina Miguel Martínez (Espanha), Mario Campos e Coletivo Orquestral, Rafael de Lima Quarteto, Orquestra Sinfônica da UNICAMP, Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, Campinas Jazz Big Band, e KUG Jazz Orchestra (Áustria).

 

Como compositora, teve peças tocadas no Brasil e no exterior: “Salão de Beleza” (2007, colaboração com Arrigo Barnabé, Instituto de Artes, UNICAMP); final do Latin American Music Center Recording Competition - Indiana University, 2015; Concertos Afro-Brasileiros, Caixa Cultural - com curadoria de Fábio Caramuru e Prof. Ligia F. Ferreira, 2016.

 

Foi duas vezes solista junto à orquestra sinfônica da UNICAMP (2015, para a realização de dois concertos dirigidos pelo compositor e regente convidado Rafael Piccolotto de Lima, compositor indicado ao Grammy Latino; e 2017), e da orquestra sinfônica de Indaiatuba (2016), com o Trio Matiz e Weber Marely, onde também apresentou algumas de suas peças e arranjos para quarteto e orquestra.

Em 2015, foi premiada com menção honrosa pela residência artística internacional One Beat (“2015 One Beat Honorable Mention”), e finalista da mesma residência artística em 2016.

 

Em 2016 foi finalista do Prêmio MIMO Instrumental com seu trio, o Trio Matiz. Foi selecionada para participar de eventos internacionais como Hudson Jazz Workshop - 2012 (Hudson, NY, EUA) e Keep an Eye Summer Jazz Workshop 2017 (Amsterdam, Holanda; Conservatorium van Amsterdam em parceria com Manhattan School of Music - NY - USA).

 

Foi aluna de pianistas como Olaf Polziehn (Alemanha), Armen Donelian (EUA), Rob Van Bavel (Holanda), Phil DeGreg (USA), Jaime Barbosa, Rafael dos Santos, Leila Kfouri Bernardi (piano erudito) e Hilton Valente “Gogô”. Também já teve como professores nomes como Luis Bonilla (USA), Renato Chicco (Austria), e participou de workshops com Marc Mommas (EUA), Joe Locke (EUA), Yaniv Nachum (Holanda), John Riley (USA), Ari Hoenig (USA), Nitai Hershkovitz, Or Bareket, Joëlle Léandre (França), dentre outros.

 

Liderando seu trio no Brasil, foi convidada a inaugurar a parceria do renomado Savassi Festival (Belo Horizonte) com o Coletivo Mulheres Criando, apresentando-se com seu trio no palco “Mulheres Criando Música”, em 2017. Depois de se mudar para a Europa para seus estudos, onde reside atualmente,  foi convidada a integrar as programações dos festivais Jazzwerkstatt Graz 2019 (Graz, Áustria) e Steyr Jazz Festival 2020 (Steyr, Áustria).  

 

Na Europa, tem se apresentado na Áustria, Croácia, Eslovênia, Polônia, República Tcheca e Alemanha, em festivais e clubes de jazz como o renomado Unterfahrt Jazz Club (Munique), Regensburg Jazz Club, Jazzwerkstatt Graz 2019, Warsaw Summer Jazz Festival 2019, Jazzwerkstatt 2020, All That Jazz Art Festival Malinska 2019, Graz Jazz Nacht, Kranj Jazz Camp, Steyr Jazz Festival 2020 e Jazz Im Generalihof Festival 2021.

 

Em setembro de 2020, foi selecionada com seu trio como finalista do Central European Jazz Showcase, evento realizado em parceria com o JazzFest Brno (República Tcheca).

Eloá Gonçalves_credit Helmut Lunghammer.jpg
With Kaya Meller Quartet at Shortcuts Jazzwerkstatt Graz 2018. Austria.
press to zoom
Eloá Gonçalves Trio at the Central European Jazz Showcase 2021. Brno/Czech Republic.
press to zoom
At Savassi Jazz Festival 2017 with Eloá Gonçalves Trio. Belo Horizonte/Brazil.
press to zoom
Eloá Gonçalves Trio feat. Karel Eriksson at Jazzwerkstatt Graz 2019. Orpheum Theater. Graz/Austria.
press to zoom
Eloá Gonçalves Trio at Jazzwerkstatt 2019. Orpheum Theater. Graz/Austria.
press to zoom
With Kaya Meller Quartet at Warsaw Summer Jazz Days 2019. Warsaw/Poland.
press to zoom
With Trio Matiz and Marcelo Martins at Jazz B. 2017. São Paulo/Brazil.
press to zoom
With Unicamp Symphony Orchestra 2016. Castro Mendes Theater. Campinas/Brazil.
press to zoom
Photo by Helmut Lunghammer
press to zoom
With Indaiatuba Symphony Orchestra 2017.
press to zoom
Recording with Sandy. DVD Meu Canto. Niterói - RJ/Brazil.
press to zoom
With Sandy in the last concert at the tour "Nós, Voz, Eles". Credicard Hall. São Paulo/Brazil. 2018.
press to zoom
With Sandy and Bachianas Philarmonic Orchestra at Sala São Paulo. Brazil. 2018.
press to zoom
At Jazzwerkstatt Graz 2019 with Eloá Gonçalves Trio. Austria.
press to zoom
Photo by Ana Dourado
press to zoom
Recording with Algaravia. Brazil, 2012.
press to zoom
At the Central European Jazz Showcase 2021. Brno/Czech Republic.
press to zoom
With Emiliano Sampaio Brazilian Quartet at Regensburg Jazz Club. Regensburg/Germany. 2020.
press to zoom
1/1